SECRETARIA REGIONAL PARA O AMBIENTE E PROTEÇÃO CIVIL

A Secretaria do Ambiente e Proteção Civil abraçou o símbolo da Água Potável pela sua simbologia que se relaciona com a origem da vida, a transparência, a força. Tudo isto se torna mote para uma Secretaria que se quer forte e com alicerces seguros. Consciencializar para a necessidade imperativa da proteção do mundo, que nos rodeia e nos acolhe, é uma meta que teimamos em alcançar.

RESPONSÁVEL: Marisol Lucas (789 – Fermentelos)

DEPARTAMENTO:

PROTEÇÃO CIVIL –      Miguel Oliveira (681 – Sangalhos)

João Ramalho (319 – Sta. Joana)

AMBIENTE – Teresa Ravara (283 – Vera-Cruz)

A Secretaria do Ambiente e Proteção Civil pretende, durante o ano de 2018/2019, dar continuidade aos projetos iniciados, ajustando-os às realidades e necessidades dos agrupamentos de forma a aumentar o envolvimento a nível regional.

Continuaremos o nosso compromisso de aproximação aos agrupamentos e de apoio a nível da proteção civil, criando e partilhando ferramentas que facilitem o desenvolvimento das suas funções nesta área.

É objetivo, a nível do Ambiente, intensificar a nossa ação, envolvendo toda a Região no “Cuidar da Nossa casa Comum”, indo assim ao encontro do apelo do Papa Francisco, na sua enciclia “Laudato si”.

 

OBJETIVOS PLANO ANUAL 2018/2019

Departamento Ambiente

1.     Motivar para a educação ambiental
ANUAL AÇÕES CONCRETAS
1. Promover os objetivos de âmbito ambiental do Desenvolvimento Sustentável da ONU 1.1 –  Realizar uma iniciativa de limpeza/ revitalização de uma área ambiental a nível regional;

1.2 – Criação de boxes com jogos/ propostas pedagógicas

1.3 – Divulgação de ações e iniciativas de âmbito ambiental.

 

2. Lançar um desafio ambiental por ano
ANUAL AÇÕES CONCRETAS
2. Concurso Ambiental 2.1- Realizar a 2ª edição do concurso “Guardiões do Ambiente”.

 

3. Promover as especialidades na área do ambiente
ANUAL AÇÕES CONCRETAS
3. Insígnia Mundial do Ambiente 3.1- Divulgar e promover a Insígnia Mundial do Ambiente;

3.2 – Divulgação das especialidades ligadas ao ambiente.

 

Departamento Proteção Civil

1. Dinamizar o departamento PC
ANUAL AÇÕES CONCRETAS
1. Capacitar os delegados regionais da PC nas várias vertentes do departamento 1.1 –  Realização de ações de formação sobre a execução de planos de segurança;

1.2 – Realização de uma sessão de esclarecimento com um responsável do DNPC;

1.3 – Manter contactos regulares com os delegados da PC dos agrupamentos, partilhando informações pertinentes para o desempenho das suas funções.

 

2. Motivar para a formação
ANUAL AÇÕES CONCRETAS
2. Contribuir para a aquisição de conhecimentos fundamentais nas atividades escutistas 2.1- Proporcionar o curso de socorrismo no 1º semestre do ano para dirigentes;

2.2 – Workshop de uma manhã para guias e subguias sobre “Proteção Civil em Campo”;

2.3 – Fazer um simulacro no ACAREG.

 

3. Valorizar o departamento da PC
ANUAL AÇÕES CONCRETAS
3. Valorizar a Proteção Civil 3.1- Comemorar o Dia Regional da Proteção Civil.

 

 

COMMENTS

Leave a Comment